26 de junho de 2017

Conheça 4 viewpoints no Recreio dos Bandeirantes de cair o queixo

Não é segredo para ninguém. Quem me segue no Instagram sabe que eu, moradora do bairro Recreio dos Bandeirantes, localizado na Zona Oeste carioca, sou apaixonada por esse cantinho e vivo mostrando para o mundo o que aqui tem de melhor. Eu corro e pedalo pela orla do bairro que tem aproximadamente 8 quilômetros de extensão e é composta por cinco peculiares e lindíssimas praias. Mas apesar de estar sempre com os pés no chão, eram os viewpoints no Recreio que eu estava sempre namorando.

Para falar a verdade, o Recreio é cheio de viewpoints,  e muitos deles você consegue chegar de carro e conquistar uma ou outra foto. Entretanto, existem uns picos no bairro que são os mais cobiçados e lá, os carros não sobem. É no peito e na raça.

Quer ficar por dentro das minhas aventuras pelo bairro? Me acompanhe aqui => Em Cantos Fotográficos

Eu assumo, demorou um pouquinho para que eu mesma conquistasse esses lugares. Empurrei com a barriga por pura preguiça, até que um dia, resolvi acabar de uma vez por todas com a procrastinação.

Mas, para chegar no topo, é preciso subir, confere? E é aí que a ordem de viewpoints desse post foi estabelecida: do pico mais fácil para o mais difícil. Bora? Bora!

Curte mirantes? Então aposto que você vai amar esse post sobre o Mirante Dona Marta => Como Chegar no Mirante Dona Marta

Confira os 4 viewpoints mais cobiçados do Recreio dos Bandeirantes

1.Pedra da Macumba

Confesso que esse pico quase não entrou na lista. Não é alto, não requer grandes habilidades com trilhas ou escaladas e demora dois minutos para você chegar ao topo. É sério!

Mas resolvi colocar pelo simples fato de ser meu lugar preferido no Recreio. É onde eu adoro assistir o pôr do sol ouvindo uma musiquinha e admirando aquela beleza extraordinária da natureza. A Pedra da Macumba divide a praia ao meio, atrai casais românticos, músicos amadores e esportistas solitários (leia-se eu).

Nível: Super fácil

Tempo de subida: Dois minutos

Localização: Praia da Macumba

O que se vê: Ilha das Palmas, Praia da Macumba, Pontal e Pedra do Pontal

Viewpoints no Recreio praia da macumba

Pedra do Pontal ao fundo

Viewpoints no Recreio Pedra da Macumba

Moradores e turistas aproveitam o fim de tarde na Pedra da Macumba

Viewpoints no Recreio praia do pontal

A divisão da praia

Viewpoints no Recreio pôr do sol recreio

Meu cantinho

2.Mirante do Caeté

Esse foi meu primeiro pico alto a ser conquistado no Recreio. A primeira vez que subi, tive o imenso prazer de contar com a cia do meu amigo Edu do Live Love & Travel. Ele, que é curitibano, estava no Rio a passeio e resolvi levá-lo para conhecer o cantinho.

Lógico, tudo estratégico. Eu mesma não conhecia e para mim tudo era novidade também. A trilha até o mirante é muito tranquila. Como fica dentro do Parque Natural Municipal da Prainha, o caminho é bem sinalizado e cuidado até o final.

Dependendo do seu condicionamento físico, em 20 minutos você chega ao topo e lá é só alegria.

Nível: Trilha leve

Tempo de subida: 20 minutos

Localização: Parque Natural Municipal da Prainha

O que se vê: Ilha das Palmas, Praia do Secreto, Praia da Macumba, Pontal, Pedra do Pontal, Praia do Recreio. É possível visualizar Floresta da Tijuca, Pedra Bonita e Pedra da Gávea em dias de céu limpo.

Viewpoints no Recreio trilhas

O início da trilha no Parque da Prainha

Viewpoints no Recreio parque da prainha

A trilha vai apertando, mas ainda é bem cuidada.

Viewpoints no Recreio mirante do caeté

Fique atento nesse trecho, você deve seguir o caminho da direita.

Viewpoints no Recreio Mirantes do recreio

Chegando no mirante

Viewpoints no Recreio Mirante do Caeté

Toda a Praia da Macumba, POntal, a Pedra, mas com nuvens, a Pedra Gavea fica difícil de ser vista

Que tal depois de fazer um desses viewspoints um almoço em grande estilo? => Pesqueirinho: um cantinho secreto no Recreio

3.Pedra do Pontal

Talvez a mais popular da região. Imponente e exibida, acredito que todos a desejem. É o ponto final da Praia do Recreio.

Essa subida já requer um pouco mais de cuidado, sobretudo no trecho onde há uma corda de apoio. Como é um ponto onde muitos gostam de tirar fotos, mantenha a atenção. Apesar disso, a trilha é leve e em 20 minutos você chegará ao topo.

Nível: Leve a moderada

Tempo de subida: 20 a 30 minutos

Localização: final da Praia do Recreio

O que se vê: Ilha das Palmas, Praia do Secreto, Praia da Macumba, Pontal, Pedra do Pontal, Praia do Recreio. É possível visualizar o Parque Estadual da Pedra Branca, Floresta da Tijuca, Pedra Bonita e Pedra da Gávea em dias de céu limpo.

Viewpoints no Recreio pedra do pontal

A parte mais chata da trilha. Há uma fila de espera para subir ou descer na corda em dias de maior movimento.

Viewpoints no Recreio dos bandeirantes

Mas a vista compensa

Viewpoints no Recreio parques

Todo o Parque da Pedra Branca ao fundo

Viewpoints no Recreio Zona Oeste

Dia um pouco nublado, mas ainda lindo!

4.Morro dos Cabritos

Finalizando a lista de viewpoints no Recreio, a mais linda das vistas. Esse, por pura coincidência, foi o último pico que conquistei. Demorei porque não é uma trilha que se faça sozinho(a). Tive que esperar por companhia.

A mata natural e fechada é habitat de muitos animais peçonhentos, a trilha ainda é repleta de pedras e pedregulhos, então, uma picada de cobra ou uma queda não são impossíveis de acontecer. A trilha não é movimentada, logo, as chances de pedir por socorro são poucas.

Vá acompanhado! Fique atento onde pisa e principalmente onde se apoia as mãos. Troncos de árvores repletos de espinhos são frequentes.

Nível: Moderado a difícil

Tempo de subida: 30 a 40 minutos

Localização: Prainha

O que se vê: Grumari, Prainha, Praia do Secreto, Praia da Macumba, Pontal, Pedra do Pontal, Praia do Recreio e ainda Floresta da Tijuca, Pedra Bonita e Pedra da Gávea em dias de céu limpo.

Viewpoints no Recreio Cabritos

Uma cobra no meio da passagem, dois dias antes de finalmente subir a trilha (Foto gentilmente cedida pelo Guilherme Pestana)

Viewpoints no Recreio perigos

Tenha cuidado também ao apoiar as mãos em troncos de árvores

Viewpoints no Recreio cuidados com trilhas

Não existe um caminho de terra, só pedras. Atenção por onde pisa.

Viewpoints no Recreio Morro dos Cabritos

Em um dia limpo, a vista é incrível!

Viewpoints no Recreio morro dos cabritos

Pedra do Pontal, Pedra Bonita e Pedra da Gávea

 

Consideração gerais

Não esqueça repelente

Leve água

Passe protetor solar

Leve algumas frutas

Não esqueça de levar uma sacola plástica para trazer seu próprio lixinho de volta

Câmeras e celulares a vontade

Divirta-se

Curtiu o artigo? Compartilhe! Já fez algum desses picos? Me conte nos comentários!

Comente via Facebook
Deixe um Comentário
9 Comentários
  1. Mônica • 04 de setembro de 2017 - 11:34

    Migueeeeee, meu corpo físico tá no trampo, mas a mente ainda tá lá na Pedra do Pontal…. Que TUDO!
    Daquelas imagens que a gte só via em fotos e, de repente, pá!
    Muito obrigada por compartilhar o seu melhor com a gte. Pq eu sei o valor que vc dá a toda essa orla. Esse cantinho nos conquistou 100%! <3

    Já nos vejo no Morro dos Cabritos! :)

    Um chêroooooooo

  2. Vitoria • 28 de junho de 2017 - 06:15

    Conheço os 4 pontos e adoro, o Recreio é um lugar lindo mesmo.. adoro essas praias da Região.
    Parabéns pelo post, tá tudo bem explicadinho.

  3. Luciana • 27 de junho de 2017 - 08:14

    Lindos demais esses pontos. Adoro acompanhar suas escapadas pra ter essas vistas maravilhosas Ze. Post já ta salvo nos favoritos aqui pra próxima trip pro Rio. Beijão

  4. Thiago Carvalho • 26 de junho de 2017 - 17:48

    Morei no Recreio por mais de 3 anos até me mudar recentemente para Petrópolis. Esse pedacinho do Rio é espetacular, com praias intocadas e matas nativas. Não conhecia o Morro dos Cabritos, mas já entrou na minha lista quando estiver de passagem pela região. Adorei o post!

    • Zelinda Arêas • 26 de junho de 2017 - 20:42

      Thiagooooo! Não sabia que você já tinha sido morador! Nossa, deve amar o bairro então, né?! Eu amo de paixão!!

  5. Mauricio Oliveira • 26 de junho de 2017 - 16:38

    Ameiiiiiiiiiiii!
    Nossa zona oeste tb tem suas belezas, se bobear, mais incríveis que da zona sul, hehehe. ;)
    Bjs

    • Zelinda Arêas • 26 de junho de 2017 - 20:41

      Brigada, Mau! Verdade. Temos uma beleza indiscutível e muitas outras vantagens. Qualidade de vida :)

  6. nicole • 26 de junho de 2017 - 14:29

    e se eu te falar que eu NUNCA fui em nenhum desses viewpoints… já vou providenciar para o próximo final de semana! ADOREI!

voltar
para o
topo